Você sabe que está em um perfil de consumo?

É impressionante o que algumas empresas fazem hoje com os usuários da internet; mapeiam todos os seus passos para descobrir hábitos, preferências e desejos, tentando prever a próxima compra ou mesmo ofertar produtos que a pessoa talvez tenha interesse, baseando-se em modelos matemáticos e análise da soma de pequenos pontos de informação que deixamos ao navegar na internet. Comparando com o mundo físico, seria como se colocassem um detetive nos seguindo diariamente, anotando tudo o que fazemos. Com certeza, isso é desagradável e uma absurda invasão de privacidade. Tudo isso acontece por razões mercadológicas, pois sites e redes sociais vendem essas informações de para fornecedores ávidos para ofertar seus produtos ou serviços.

Mas, até que ponto esta é a forma ideal? Os consumidores estão satisfeitos com tudo isso? Alguém gosta de ter a sua privacidade invadida?

O que dizer sobre os milhares de casos similares a este: a Sandra, por simplesmente pesquisar sobre berços em um site de busca, com intenção de presentear uma amiga que estava prestes a ter um bebê, passou a receber, por muito tempo, inúmeras ofertas de berços, fraldas, papinhas, roupinhas, mamadeiras etc. Ela, assim como diversas outras mulheres, já tem uma família constituída, com filhos entre 12 e 16 anos, ou estão com apenas 20 anos e não tem a menor intenção, no momento, de ter filhos. Vamos calcular o quanto é investido e desperdiçado em publicidade, anúncios e ofertas inoportunas nesta “moderna” mas inconveniente forma de traçar perfil dos usuários na web.

Precisamos entender claramente a diferença entre público alvo, traçado por perfis bem mais estáveis e consumidor alvo, traçado por perfis dinâmicos (temporários), para realizarmos ações de marketing inteligentes na internet. É por isso que o Dodoo se apresenta como uma forma inteligente de trazer o consumidor até o fornecedor: simplesmente dando espaço para o consumidor dizer o que quer e como quer ser atendido, sem pressão.

O Dodoo foi tão bem planejado que até mesmo o consumidor que não quer se identificar, pode fazer pedidos de atendimento, ficando protegido de eventuais identificações ou abordagens em momentos inoportunos. Para conhecer melhor o Dodoo, acesse dodoo.com.br e faça seu cadastro gratuito.